Polícia

Ex-vereador preso por furtar insumos agropecuários deixa a cadeia

Ao deixar a prisão, o ex-vereador se disse inocente

Thatiana Melo Publicado em 30/09/2021, às 06h22

None
(Divulgação)

O ex-vereador Aparecido Soares de Oliveira, de 57 anos, o ‘Cido do Pantanal’ preso na última terça-feira (28), após ser acusado de furtar insumos agropecuários, deixou a cadeia na noite desta quarta-feira (29), em Nova Andradina. Ao deixar a prisão, o ex-vereador se disse inocente.

‘Cido Pantanal’ terá que cumprir medidas cautelares como informar seu endereço atual, telefone, bem como comunicar eventuais mudanças. Não pode se ausentar da comarca sem a prévia autorização do juízo e deve comparecer aos atos do processo.

Quando deixou a cadeia, ele disse ao site Jornal da Nova que era inocente. “Sou inocente, não preciso pegar nada de ninguém, vai acontecer muita coisa no desenrolar do processo”, disse. Ele ainda disse que não pode afirmar que seja político, mas que há pessoa que teve problema com ele no passado e agora quis se vingar — isso ainda está sendo analisado pelo ex-vereador.

A prisão

O Guilherme Scucuglia Cezar, do SIG (Setor de Investigações Gerais), disse no dia da prisão que as diligências tiveram início na segunda-feira (27), após denúncia de que insumos — bagaço de cana-de-açúcar usado na alimentação de gado e animais do campo — estavam sendo furtados da Prefeitura Municipal e sendo revendidos.

No sítio do ex-vereador, os investigadores encontraram o produto furtado, armazenado em sacos menores, prontos para a venda. Ao todo, foram 10 toneladas de insumo encontradas, que, segundo relato do delegado ao site Jornal da Nova, estão avaliados em R$ 20 mil.

A princípio, os furtos teriam começado na última sexta-feira, quando funcionários da prefeitura deram falta dos produtos. Já na segunda, o boletim de ocorrência foi registrado. Suspeito, o ex-vereador foi preso em flagrante por furto qualificado pelo concurso de pessoas.

Ainda há suspeita de outros envolvidos no caso, que segue em investigação.

Jornal Midiamax