Polícia

Com embalagem para ‘melhorar conservação’, 481 kg de maconha são apreendidos no Paraguai

Droga estava em acampamento clandestino e seria enviada para o Brasil e Argentina

Danielle Errobidarte e Marcos Morandi Publicado em 28/07/2021, às 15h14

Droga totalizou 481 quilos.
Droga totalizou 481 quilos. - (Foto: Divulgação)

Agentes especiais da Senad (Secretaria Nacional Antidrogas), apreenderam, nesta quarta-feira (28), 481 quilos de maconha, escondidas em pacotes cuidadosamente embalados pelos traficantes “para maior duração”. O carregamento da droga seria enviado para o Brasil e para a Argentina.

A apreensão ocorreu durante um procedimento liderado pelo promotor paraguaio Meiji Ugadawa, na área do departamento de Canindeyú conhecida como Colonia Monte’i.

Uma espécie de escritório foi montada pelos traficantes, que fazem repressão aos acampamentos clandestinos e locais onde eles escondem seus carregamentos. No local, foi identificada uma propriedade rural, que já havia sido monitorada pelos policiais, onde a droga estava. Cada tablete era embalado com material resistente para prolongar a conservação durante o trajeto até os estados que receberiam o entorpecente.

Jornal Midiamax