Polícia

Borracheiro é preso por matar colombiano em MS com golpes de peça de moto

Crime teria sido motivado por uma dívida

Diego Alves Publicado em 13/04/2021, às 21h58

Borracheiro/ Ponta Porã News
Borracheiro/ Ponta Porã News
Um borracheiro de 35 anos foi preso suspeito de ter matado o colombiano Daniel Alejandro Londono Zuleta, de 25 anos, encontrado encontrado morto em um milharal nas proximidades da Aldeia Bororó em Dourados, cidade a 226 quilômetros de Campo Grande, na manhã desta terça-feira (13).
De acordo com a polícia, Daniel foi morto com golpes de uma peça de ferro de motocicleta. A prisão foi feita pelo SIF (Setor de Investigações Gerais). De acordo com o delegado Erasmo Cubas, Daniel era agiota e o crime pode ter relação com uma dívida de R$ 3 mil que o borracheiro tinha com o colombiano.
Ainda de acordo com a polícia, os dois discutiram na noite desta segunda-feira (12) na borracharia que o autor tem na aldeia,publicou o site Ponta Porã News. Daniel então foi agredido até a morte e o corpo deixado no milharal. A moto da vítima também foi encontrada na região. 

Jornal Midiamax