Polícia

Após participar de reunião escolar, mulher é ameaçada de morte em cidade de MS

A dona de casa também pediu medidas protetivas contra o marido

Marcos Morandi Publicado em 03/08/2021, às 07h15

Caso foi registrado na Depac de Dourados como violência doméstica
Caso foi registrado na Depac de Dourados como violência doméstica - Marcos Morandi

Uma mulher de 39 anos, residente em Dourados, procurou a polícia para denunciar que foi ameaçada de morte pelo marido, de 57 anos, após voltar de uma reunião escolar por volta das 15 horas. Os dois moram juntos há 11 anos.

Segundo a ocorrência registrada na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), o marido não faz uso de bebida alcoólica, mas é extremamente ciumento. “Você merece morrer por não ser fiel a mim”, teria ameaçado o marido.

Na delegacia, ela contou que já pediu ajuda às lideranças da Aldeia Jaguapiru, onde reside e que, mesmo aconselhado, ele prossegue com as ameaças. Após o depoimento, ela fez o requerimento de medidas protetivas contra o marido.

Jornal Midiamax