Polícia

Vendedor é ameaçado com arma de fogo durante negociação de carro e perde veículo

Na noite de segunda-feira (7), rapaz de 21 anos foi vítima de roubo na Vila Progresso, na frente de um hotel. Ele negociava a venda de um carro, mas foi surpreendido pelo falso comprador, que apontou uma arma de fogo e levou o veículo. Segundo relato do rapaz, ele anunciou o Gol em um site […]

Renata Portela Publicado em 08/12/2020, às 06h15

Depac Centro, onde o caso foi registrado. (Henrique Arakaki, Midiamax)
Depac Centro, onde o caso foi registrado. (Henrique Arakaki, Midiamax) - Depac Centro, onde o caso foi registrado. (Henrique Arakaki, Midiamax)

Na noite de segunda-feira (7), rapaz de 21 anos foi vítima de roubo na Vila Progresso, na frente de um hotel. Ele negociava a venda de um carro, mas foi surpreendido pelo falso comprador, que apontou uma arma de fogo e levou o veículo.

Segundo relato do rapaz, ele anunciou o Gol em um site de vendas e começou a receber ligações do suposto comprador e marcou um encontro. O suspeito dizia trabalhar em um hotel na Vila Progresso, onde foi marcada a negociação.

Assim a vítima foi ao local e o autor saiu de dentro do hotel e foi olhar o carro, quando pediu para dirigir. O vendedor então aceitou e o suspeito sentou no banco do motorista. Quando a vítima deu a volta e foi entrar no carro, no passageiro, foi surpreendido.

O suspeito apontou uma arma de fogo e disse “Não entra”, saindo em seguida. No hotel, funcionários relaram que o suspeito não trabalhava ali, mas tinha se hospedado. O caso é tratado como roubo majorado pelo emprego de arma e foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax