Polícia

PM fecha ‘boca de fumo’ e apreende drogas e dinheiro

A Polícia Militar fechou uma “boca de fumo” nesta segunda-feira (08) em Três Lagoas, cidade a 325 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a polícia, durante patrulhamento pela Vila Haro, um homem foi visto saindo de uma residência localizada na Rua Antônio João. Em atitude suspeita saiu rapidamente da casa tentando esconder algo na […]

Diego Alves Publicado em 08/06/2020, às 23h22 - Atualizado às 23h24

Divulgação, PM)
Divulgação, PM) - Divulgação, PM)

A Polícia Militar fechou uma “boca de fumo” nesta segunda-feira (08) em Três Lagoas, cidade a 325 quilômetros de Campo Grande. De acordo com a polícia, durante patrulhamento pela Vila Haro, um homem foi visto saindo de uma residência localizada na Rua Antônio João. Em atitude suspeita saiu rapidamente da casa tentando esconder algo na mão direita, e ao avistar a viatura policial tentou evadir-se jogando na rua duas pequenas embalagens (trouxinhas) contendo pedras de substância aparentando ser crack.

Ao ser questionado disse ser usuário de drogas e foi até o local mencionado comprar as porções de crack no valor de R$ 20 (vinte reais) de F.S.R.

Com apoio da equipe do Canil, realizamos a vistoria da casa onde residem  E.G.S.J., seu primo F.S.R. e uma mulher A.S.F.

No momento em que adentramos a residência encontramos na sala um engradado de refrigerante com uma tábua em cima, improvisando uma mesa, sobre a tábua havia uma tesoura e um prato contendo frações de pedras aparentemente crack que estavam sendo embaladas em pequenos pedaços de plástico.

Durante vistoria na casa composta de sala, cozinha, um quarto e um banheiro, foram encontrados a quantia total R$ 2.668,00, U$ 50,00 (cinquenta dólares) e E$ 5,00 (cinco euros), sendo grande parte do dinheiro escondido debaixo e dentro de um sofá.

Também foram encontradas várias sacolas de plástico contendo porções fracionadas tipo trouxinhas que continham substâncias análogas a crack, cocaína e maconha embaladas prontas para a comercialização.

No momento da abordagem a senhora A.S.F. tentou esconder sobre o vestido uma sacola contendo mais trouxinhas de cocaína, que foram entregues espontaneamente por ela aos policiais.

Jornal Midiamax