Polícia

Mulher sai em surto de motel e morre ao ter mal súbito na BR-262 em Campo Grande

Uma jovem de aproximadamente 18 anos morreu ao ter um mal súbito após um surto na BR-262, quase esquina com a Avenida Dr. Paulo Adolfo Bernardo, região do Jardim Noroeste em Campo Grande. A jovem teria saído em surto de um motel que tem em frente ao local onde ela morreu. Uma mulher de 34 […]

Diego Alves Publicado em 16/01/2020, às 21h50 - Atualizado em 17/01/2020, às 08h25

Jovem aparentemente teve uma parada cardiorrespiratória (Midiamax)
Jovem aparentemente teve uma parada cardiorrespiratória (Midiamax) - Jovem aparentemente teve uma parada cardiorrespiratória (Midiamax)

Uma jovem de aproximadamente 18 anos morreu ao ter um mal súbito após um surto na BR-262, quase esquina com a Avenida Dr. Paulo Adolfo Bernardo, região do Jardim Noroeste em Campo Grande. A jovem teria saído em surto de um motel que tem em frente ao local onde ela morreu.

Uma mulher de 34 anos, que mora aos fundos do motel, conta que escutou a jovem aos gritos, ainda dentro do estabelecimento. A moradora contou que ela gritava “ele vai me matar, ele vai me matar”. Fora do motel, a moradora tentou dar assistência a jovem. Ela disse que chegou a pedir para o homem que a acompanhava, comprar leite para ela.

Neste intervalo, a jovem chegou a entrar em um matagal ao lado. O homem, que estaria em uma caminhonete, voltou ao local com um refrigerante. Ao ver o estado da jovem, ele teria ido embora e deixado a bolsa dela.

Em um certo momento, a jovem então correu até a rodovia. O motorista de uma carreta a viu e parou o veículo. Ela então teria entrado embaixo do veículo e dali não queria sair.

O Corpo de Bombeiros chegou a ser acionado, porém, a moça morreu no local, aparentemente vítima de uma parada cardiorrespiratória. A suspeita inicial, de acordo com as primeiras informações, é a de que o casal poderia estar utilizando entorpecentes no motel. Laudo necroscópico e investigação da Polícia Civil irá apontar a causa do óbito.

Jornal Midiamax