Polícia

Motorista de carreta roubada morre após trocar tiros com a Polícia na MS-462

Josemar de Souza da Silva, 37 anos, morreu na manhã deste sábado (23) após trocar tiros com policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira). Ele dirigia uma carreta Scania que teria sido roubada em Rio Verde de Mato Grosso e seguia pela MS -462, próximo a Maracaju. Segundo os policiais, familiares teriam dito que […]

Ana Paula Chuva Publicado em 23/05/2020, às 19h42 - Atualizado em 24/05/2020, às 09h54

None

Josemar de Souza da Silva, 37 anos, morreu na manhã deste sábado (23) após trocar tiros com policiais do DOF (Departamento de Operações de Fronteira). Ele dirigia uma carreta Scania que teria sido roubada em Rio Verde de Mato Grosso e seguia pela MS -462, próximo a Maracaju.

Segundo os policiais, familiares teriam dito que o motorista da carreta teria saído para um frete em Rio Verde de Mato Grosso e não teria mais dado notícias, mas o rastreador do veículo acusava que ele teria passado por Maracaju.

A equipe então realizou diligências e avistou o caminhão. Após os policiais deram ordem de parada, o então condutor da carreta teria efetuado disparos contra os policiais e avançado com o veículo para uma plantação de milho.

Logo em seguida o condutor entrou para uma mata e durante as buscas foi encontrado escondido na vegetação. Novamente ele atirou contra os policias que revidaram e acertaram o homem.

Josemar foi imobilizado e socorrido ao hospital municipal de Maracaju, mas não resistiu ao ferimento.  A ocorrência foi registrada e entregue na Defron (Delegacia de Repressão aos Crimes de Fronteira).

Jornal Midiamax