Polícia

Militar do Exército sai para ir a velório de avó e desaparece em Campo Grande

A mãe de um soldado militar do Exército de 19 anos procurou a delegacia de polícia de Campo Grande, na noite desta quinta-feira (6) depois do desparecimento do rapaz, que deveria ter voltado para o quartel. Segundo as informações do boletim de ocorrência, o rapaz foi liberado na quinta-feira (29) da semana passada para ir […]

Thatiana Melo Publicado em 07/08/2020, às 05h57 - Atualizado às 14h36

Caso foi registrado na Cepol (De arquivo | Henrique Arakaki)
Caso foi registrado na Cepol (De arquivo | Henrique Arakaki) - Caso foi registrado na Cepol (De arquivo | Henrique Arakaki)

A mãe de um soldado militar do Exército de 19 anos procurou a delegacia de polícia de Campo Grande, na noite desta quinta-feira (6) depois do desparecimento do rapaz, que deveria ter voltado para o quartel.

Segundo as informações do boletim de ocorrência, o rapaz foi liberado na quinta-feira (29) da semana passada para ir até o velório de sua avó devendo retornar para o quartel nesta segunda-feira (3). Ela disse que antes de voltar o filho havia passado na casa de seu pai avisando que já estava retornando para o quartel.

Mas, nesta quinta-feira (6) militares foram até a sua casa perguntando sobre o paradeiro de seu filho, e como ele não havia voltado para sua casa e nem para o quartel, ela foi orientada a fazer um boletim de ocorrência. Ela disse na delegacia, que o filho havia recebido o pagamento na segunda (3), e que ele era usuário de drogas. Não há informações de suas características fisícas.

Jornal Midiamax