Polícia

Militar da Marinha joga álcool na esposa, ateia fogo e foge após o crime em MS

Uma mulher de 23 anos foi socorrida com queimaduras na noite desta quarta-feira (30), em Corumbá a 444 quilômetros de Campo Grande, depois do marido de 26 anos, um militar da Marinha atear fogo em seu corpo. A vítima que foi socorrida com queimaduras nos braços para o hospital da cidade disse que estava em […]

Thatiana Melo Publicado em 01/10/2020, às 07h26 - Atualizado às 12h53

Homem não foi encontrado (Ilustrativa)
Homem não foi encontrado (Ilustrativa) - Homem não foi encontrado (Ilustrativa)

Uma mulher de 23 anos foi socorrida com queimaduras na noite desta quarta-feira (30), em Corumbá a 444 quilômetros de Campo Grande, depois do marido de 26 anos, um militar da Marinha atear fogo em seu corpo.

A vítima que foi socorrida com queimaduras nos braços para o hospital da cidade disse que estava em casa junto com o marido, quando por volta das 18 horas desta quarta (30), o marido havia recebido a visita de sua irmã, sendo que a vítima foi se deitar.

Após a saída da cunhada, o homem foi até o quarto do casal e jogou álcool em cima da esposa, que se levantou. Em seguida, o autor jogou o líquido em cima do colchão ateou fogo e jogou em cima da mulher, que colocou os braços para se defender sofrendo queimaduras.

O homem fugiu após o crime e ainda não foi encontrado. A mulher foi socorrida para atendimento, mas não há informações sobre seu estado de saúde. Não se sabe também os motivos para o crime.

Jornal Midiamax