Polícia

‘Mãe fica na linha pelo amor de Deus’: rapaz liga e desaparece após briga em conveniência

A família de Wellington Sobral está à procura do rapaz que está desaparecido desde a terça-feira (8), quando saiu para ir até uma conveniência na região da Avenida Júlio de Castilho. A mãe do rapaz já teria por diversas vezes tentado falar com ele por telefone, mas só dá desligado. Segundo a cozinheira de 51 […]

Thatiana Melo Publicado em 10/09/2020, às 13h14 - Atualizado às 20h07

Teria se envolvido em uma briga em uma conveniência (Arquivo Pessoal)
Teria se envolvido em uma briga em uma conveniência (Arquivo Pessoal) - Teria se envolvido em uma briga em uma conveniência (Arquivo Pessoal)

A família de Wellington Sobral está à procura do rapaz que está desaparecido desde a terça-feira (8), quando saiu para ir até uma conveniência na região da Avenida Júlio de Castilho. A mãe do rapaz já teria por diversas vezes tentado falar com ele por telefone, mas só dá desligado.

Segundo a cozinheira de 51 anos, Dalva Maria, no dia do desaparecimento ela teria recebido uma ligação por volta das 2 horas da madrugada de Wellington pedindo para que ela não desligasse, “Mãe fica na linha, não desliga pelo amor de Deus”, teria dito o instalador de sistemas de segurança.

Ainda de acordo com a cozinheira, o filho ainda disse que uma mulher estaria com mais dois homens querendo pegar ele. A vítima ainda teria dito, “segunda vez que ela arma uma casinha para mim”. Dalva contou que a mulher citada pelo filho na ligação seria uma conhecida da família, com quem o rapaz já havia dividido moradia há muito tempo e teria deixado algumas dívidas para ela.

Dalva contou ao Jornal Midiamax que já ligou para várias pessoas, e que sua filha que mora em Campo Grande já teria procurado por Wellington sem sucesso. Ainda segundo a cozinheira, o celular do filho só dá desligado.

Jornal Midiamax