Polícia

Bombeiros acharam livro de satanismo e pai com bebê no colo ‘velando’ garota morta com mata-leão

Durante atendimento à ocorrência de homicídio que vitimou Lorraine da Silva Parrim, 15 anos, na madrugada desta quarta-feira (2), equipes dos Bombeiros e Polícia Militar encontraram uma bíblia satânica no local. O caso aconteceu em Caarapó, a 273 quilômetros de Campo Grande, e o namorado da vítima foi preso por matar a jovem com um […]

Renata Portela Publicado em 02/12/2020, às 11h00 - Atualizado às 16h40

Rapaz que foi preso estava com criança no colo quando a polícia chegou (Foto: Caarapó News)
Rapaz que foi preso estava com criança no colo quando a polícia chegou (Foto: Caarapó News) - Rapaz que foi preso estava com criança no colo quando a polícia chegou (Foto: Caarapó News)

Durante atendimento à ocorrência de homicídio que vitimou Lorraine da Silva Parrim, 15 anos, na madrugada desta quarta-feira (2), equipes dos Bombeiros e Polícia Militar encontraram uma bíblia satânica no local. O caso aconteceu em Caarapó, a 273 quilômetros de Campo Grande, e o namorado da vítima foi preso por matar a jovem com um golpe de mata-leão.

Bombeiros acharam livro de satanismo e pai com bebê no colo 'velando' garota morta com mata-leão
Bíblia satânica foi encontrada na casa (Foto: Caarapó News)

Segundo informações do site local Caarapó News, havia uma bíblia satânica (As Escrituras Satânicas – A Filosofia do Satanismo) na residência. Após o crime o rapaz foi preso e encaminhado ao batalhão da Polícia Militar, sob alegação de homicídio culposo, quando não há intenção. Nesta quarta-feira testemunhas são ouvidas na delegacia de Caarapó.

Entenda o caso

Segundo o registro policial, o fato aconteceu por volta das 3 horas desta quarta-feira. O rapaz de 22 anos contou para a polícia que o casal já estava deitado na cama quando o filho, que seria um bebê, começou a chorar. O jovem disse que tinha brigas constantes com Lorraine e afirmou na ocorrência que ela teria problemas psiquiátricos.

Assim, na madrugada, ele relata que ela teria ameaçado jogar o filho contra a parede, quando os dois brigaram. Neste momento ele pegou a criança do colo da mãe e ela teria pegado um facão, que deixava ao lado da cama. Depois, tentou golpear o rapaz, que se defendeu agredido a adolescente com socos.

Conforme o relato, a jovem caiu, mas ainda tentou esfaquear o namorado, que por fim deu um ‘mata-leão’ na vítima. Ele só a soltou quando ela ficou inconsciente. Ele ainda acionou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros, mas a jovem não resistiu e morreu no local.

O caso é tratado a princípio como homicídio culposo, mas está em investigação.

Jornal Midiamax