Polícia

VÍDEO: Lojista tem prejuízo de R$ 23 mil com furto de roupas e calçados

Pelo menos uma parte das mercadorias localizadas por policiais do 1º BPM (Batalhão de Polícia Militar) após abordagem a carro com restrição criminal na noite de sábado (11), na Avenida Salgado Filho, são produto de crime que rendeu prejuízo de R$ 23 mil à proprietária de uma loja de roupas na Avenida Júlio de Castilho, […]

Guilherme Cavalcante Publicado em 12/05/2019, às 14h11 - Atualizado em 13/05/2019, às 18h52

None
Bandidos fizeram 'limpa' em loja localizada na Avenida Júlio de Castilho (Foto: Reprodução)

Pelo menos uma parte das mercadorias localizadas por policiais do 1º BPM (Batalhão de Polícia Militar) após abordagem a carro com restrição criminal na noite de sábado (11), na Avenida Salgado Filho, são produto de crime que rendeu prejuízo de R$ 23 mil à proprietária de uma loja de roupas na Avenida Júlio de Castilho, em Campo Grande.

Um boletim de ocorrência registrado na manhã da sexta-feira (10) descreve o fato, ocorrido horas antes, por volta de 1h da madrugada. Segundo imagens de segurança anexadas ao registro, um homem é visto arrombando o cadeado e forçando a fechadura da porta até entrar. Em seguida, o veículo Corsa Classic – o mesmo que despertou atenção dos policiais do 1º BPM na noite de sábado (11) – estaciona sobre a calçada, momento em que um total de três homens começam a carregar o veículo com as mercadorias.

De acordo com o relato da vítima no boletim de ocorrência, quase todas as peças de roupas da loja foram furtadas, resultando em prejuízo estimado em R$ 23 mil. Foi após este boletim de ocorrência, a propósito, que o Classic recebeu restrição no sistema Sinesp Cidadão. Ao constatar que era possível identificar as placas do veículo, o delegado de polícia determinou a inserção da restrição criminal, que culminou em sua identificação, bem como dos suspeitos dos furtos.

Vale lembrar, também, que o jovem de 24 anos que foi preso no sábado por receptação pode ter tido envolvimento com o furto, o qual ele atribuiu ao adolescente de 17 anos, que também foi apreendido. As investigações deverão cruzar as características dele com a das pessoas que aparecem no vídeo de câmeras de segurança fornecidos pela dona da loja arrombada.

Jornal Midiamax