Polícia

Mulher presa quando tentava aplicar golpe em loja de motos disse que estava desempregada

Foi presa nesta quinta-feira (24), em Campo Grande, uma mulher de 32 anos que tentava aplicar um golpe em uma loja de motos. Ela usava documentos falsos que foram dados pelo ex-marido. A mulher passa por audiência de custódia nesta sexta-feira (25). Quando foi presa, ela contou aos policiais que há 1 mês seu ex-marido […]

Thatiana Melo Publicado em 25/10/2019, às 08h18

None

Foi presa nesta quinta-feira (24), em Campo Grande, uma mulher de 32 anos que tentava aplicar um golpe em uma loja de motos. Ela usava documentos falsos que foram dados pelo ex-marido. A mulher passa por audiência de custódia nesta sexta-feira (25).

Quando foi presa, ela contou aos policiais que há 1 mês seu ex-marido a teria convidado a ganhar ‘dinheiro fácil’ usando documentos falsos que ele forneceria a ela, mas com sua foto. Sendo que com um dos documentos falsos, a dona de casa foi até uma agência bancária e conseguiu um empréstimo no valor de R$ 20 mil recebendo R$ 2.500.

Já nesta quinta (24) foi até a loja de motos onde iria fazer a compra para depois revender a motocicleta e receberia como participação o valor de R$ 1 mil. Mas, quando estava negociando foi surpreendida por policiais, que fizeram abordagem. Ela foi levada para a delegacia confessando o crime.

A mulher disse não saber como o ex-marido conseguia os documentos falsos, e afirmou que só aceitou o convite do ex por que estava desempregada e precisava pagar contas. Ela ainda disse que tinha passagens pelo crime de tráfico de drogas. Quando os policiais foram até a casa do homem, ele negou os crimes e quebrou o celular.

Jornal Midiamax