Mulher com tornozeleira eletrônica é presa no lado paraguaio da fronteira

Dalia Pamela Vargas Gaona, 31, foi presa com uma tornozeleira eletrônica nesta sexta-feira (01) em Pedro Juan Caballero no Paraguai, fronteira com Ponta Porã, cidade a 298 quilômetros de Campo Grande. A prisão foi feita pela Polícia Nacional e Dalia, que é natural de Balneário Camboriú (SC), deverá ficar custodiada em Ponta Porã. Aparentemente, segundo […]
| 02/03/2019
- 02:29
Mulher com tornozeleira eletrônica é presa no lado paraguaio da fronteira
Mulher com tornozeleira eletrônica é presa no lado paraguaio da fronteira
Divulgação, Polícia Nacional

Dalia Pamela Vargas Gaona, 31, foi presa com uma nesta sexta-feira (01) em Pedro Juan Caballero no Paraguai, fronteira com Ponta Porã, cidade a 298 quilômetros de Campo Grande.

A prisão foi feita pela Polícia Nacional e Dalia, que é natural de Balneário Camboriú (SC), deverá ficar custodiada em Ponta Porã. Aparentemente, segundo a Polícia Nacional, o aparelho pode ter sido danificado.

De acordo com o chefe de investigações do departamento de Amambay, Rafael González, agentes

Mulher com tornozeleira eletrônica é presa no lado paraguaio da fronteira
Divulgação, Polícia Nacional

sob sua responsabilidade realizavam trabalho ostensivo nas ruas Dr. Francia e Mcal. Estigarribia, quando abordaram a mulher que transitava de moto.

Ela apresentou identidade brasileira, porém, demonstrou muito nervosismo. Dalia então foi levada a base de operações para verificar sua identidade. No local, os policiais encontraram a tornozeleira eletrônica na perna direita da mulher.

Dalia teria um histórico de lavagem de dinheiro e tráfico de drogas em território brasileiro, de acordo o site ABC Color.

Veja também

Últimas notícias