Polícia

Idoso cai em golpe de cartão e perde mais de R$ 9 mil na Capital

Um idoso de 85 anos procurou a delegacia de polícia de Campo Grande, nesta sexta-feira (12), depois de ter um prejuízo de R$ 9.997 por um estelionatário, que se passou por funcionário da administradora do cartão bancário da vítima. Segundo o boletim de ocorrência, a fraude aconteceu na última quinta-feira (11), quando o idoso teria […]

Thatiana Melo Publicado em 13/04/2019, às 13h00

None

Um idoso de 85 anos procurou a delegacia de polícia de Campo Grande, nesta sexta-feira (12), depois de ter um prejuízo de R$ 9.997 por um estelionatário, que se passou por funcionário da administradora do cartão bancário da vítima.

Segundo o boletim de ocorrência, a fraude aconteceu na última quinta-feira (11), quando o idoso teria recebido uma ligação de uma pessoa que se passou por funcionário da administradora do cartão.

O idoso teria sido informado de que haviam tentado fazer transações com o seu cartão, e a administradora estava ligando para verificar a veracidade dos fatos, o que foi negado pela vítima, sendo orientada, então, a recortar o cartão deixando apenas os números de segurança na parte de trás.

A vítima ainda teria de colocar o cartão dentro de um envelope com uma senha, que um motociclista iria buscar os cartões. Quando procurou a agência bancária foi informado pelo gerente que se tratava de um golpe, e que haviam tentado fazer uma compra no valor de R$ 55 mil, mas que não teria sido autorizada.

Mas, o idoso teve um prejuízo de R$ 9.997 com transações feitas com seu cartão.

Jornal Midiamax