Polícia

Homem é abordado em semáforo e mantido em cárcere por cinco horas

Homem de 43 anos foi mantido em cárcere por 5 horas durante roubo de veículo na tarde de ontem, em Campo Grande. Durante a ação, os ladrões disseram que antes haviam roubado outro carro, da marca Peugeot, e o destruído. A vítima conseguiu escapar quando um dos criminosos desembarcou para perseguir suposta integrante da quadrilha […]

Renan Nucci Publicado em 19/04/2019, às 08h31 - Atualizado às 18h38

Caso foi registrado na Depac da Vila Piratininga (Foto: Arquivo Midiamax)
Caso foi registrado na Depac da Vila Piratininga (Foto: Arquivo Midiamax) - Caso foi registrado na Depac da Vila Piratininga (Foto: Arquivo Midiamax)

Homem de 43 anos foi mantido em cárcere por 5 horas durante roubo de veículo na tarde de ontem, em Campo Grande. Durante a ação, os ladrões disseram que antes haviam roubado outro carro, da marca Peugeot, e o destruído. A vítima conseguiu escapar quando um dos criminosos desembarcou para perseguir suposta integrante da quadrilha que tentava fugir.

De acordo com o boletim de ocorrência, o homem seguia em seu Celta pelo Parque Lageado, por volta das 3 horas, quando parou em um semáforo e foi abordado por dois homens, dentre os quais um deles estava armado com faca e anunciou o assalto. Eles obrigaram que o motorista fosse para o banco traseiro e em seguida assumiram a direção, passando a rodar pela cidade.

Segundo a vítima, os criminosos rodaram com ela  por cerca de quatro horas, até chegarem a uma casa toda murada. O local estava vazio e tinha apenas um colchão e fios, dando a entender que era um cativeiro frequentemente usado. Lá, o homem ficou por mais uma hora, até que um dos ladrões saiu com ele novamente. Neste momento, uma jovem também embarcou no carro.

No entanto, logo em seguida ela abriu a porta e saiu correndo, sendo perseguida pelo suposto comparsa. A vítima aproveitou que estava sozinha, assumiu a direção e fugiu em busca de ajuda. O caso foi denunciado à Polícia Civil já na madrugada desta sexta-feira. A vítima informou ainda que o prejuízo ficou por conta apenas de certa quantia em dinheiro e um  relógio.

Jornal Midiamax