Polícia

Com bebê no colo, mulher é espancada ao pedir para marido não trocar alimentos por drogas

Foi preso e levado para a delegacia de polícia da cidade de Dourados – a 225 quilômetros de Campo Grande – na noite desta terça-feira (30), um homem de 29 anos, que espancou a esposa de 28 anos, quando ela tentou impedir ele de comprar drogas. A vítima disse que o marido chegou em casa […]

Thatiana Melo Publicado em 01/05/2019, às 07h01 - Atualizado às 11h10

Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa - Foto: Ilustrativa

Foi preso e levado para a delegacia de polícia da cidade de Dourados – a 225 quilômetros de Campo Grande – na noite desta terça-feira (30), um homem de 29 anos, que espancou a esposa de 28 anos, quando ela tentou impedir ele de comprar drogas.

A vítima disse que o marido chegou em casa por volta das 22 horas e passou a ingerir álcool, sendo que momento depois pegou vários alimentos da residência para trocar por drogas. Neste momento, a esposa que segurava o bebê de 5 meses do casal, pediu para que ele não fizesse isso.

Descontrolado, o homem passou a espancar a mulher com tapas, socos e chutes. A polícia foi chamada e com o autor encontrado trouxinhas de maconha em seus bolsos. Ele foi levado para a delegacia e lá disse aos policiais, “Violência doméstica não dá nada, não”, dizendo que no outro dia já estaria solto.

 Dados

Dados da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) são de que de janeiro deste ano até o dia 1º de maio já foram registrados no Estado 1.938 casos de violência doméstica. Na Capital o número é de 563 casos.

Jornal Midiamax