Agente penitenciário é executado a tiros na fronteira quando ia para trabalho

Foi executado na manhã desta quarta-feira (24), o agente penitenciário Duilio Florenciani Gonzales, em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Paraguai. Ele estava indo para o trabalho quando foi assassinado. Duilio estava a caminho da penitenciária regional da cidade quando pistoleiros o alcançaram e efetuaram sete disparos, praticamente todos na região da cabeça, com […]
| 24/04/2019
- 12:16
Agente penitenciário é executado a tiros na fronteira quando ia para trabalho

Foi executado na manhã desta quarta-feira (24), o Duilio Florenciani Gonzales, em Pedro Juan Caballero, na fronteira com o Paraguai. Ele estava indo para o trabalho quando foi assassinado.

Duilio estava a caminho da penitenciária regional da cidade quando pistoleiros o alcançaram e efetuaram sete disparos, praticamente todos na região da cabeça, com pistola 9mm. A execução aconteceu por volta das 6 horas da manhã desta quarta (24).

Segundo o site Porã News, a execução teria acontecido devido a sua conduta dentro do estabelecimento penitenciário, mas outras linhas de investigação não são descartadas pela polícia.

Veja também

Condutor apresentou nervosismo durante a abordagem

Últimas notícias