Polícia

Preso com carreta roubada, motorista confessa que receberia R$ 1.000 para levar veículo até a fronteira

Carreta com placas do Mato Grosso, que havia sido roubada em São Paulo, foi recuperada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) nesta quinta-feira (11), na BR-163, em Rio Brilhante. Uma pessoa foi presa. De acordo com informações do site Rio Brilhante em Tempo Real, o proprietário do veículo acionou a polícia informando que o motorista havia […]

Clayton Neves Publicado em 11/10/2018, às 19h48

Foto (Olimar Gamarra)
Foto (Olimar Gamarra) - Foto (Olimar Gamarra)

Carreta com placas do Mato Grosso, que havia sido roubada em São Paulo, foi recuperada pela PRF (Polícia Rodoviária Federal) nesta quinta-feira (11), na BR-163, em Rio Brilhante. Uma pessoa foi presa.

De acordo com informações do site Rio Brilhante em Tempo Real, o proprietário do veículo acionou a polícia informando que o motorista havia saído de Cáceres e levaria carga de gesso até Taboão da Serra, no entanto, não havia mais dado notícias. O rastreador apontou que a carreta seguia em alta velocidade pela BR-163 a caminho da fronteira com o Paraguai.

Em abordagem na base da PRF, por volta das 14 horas, o condutor do veículo, um homem de 37 anos, ficou nervoso e entrou em contradição sobre o destino da viagem. Após consulta por telefone o empresário informou que a pessoa abordada não era seu funcionário.

O suspeito acabou confessando que foi contratado pela internet e  receberia R$ 1.000 para levar a carreta até Ponta Porã. Questionado sobre o motorista, o autor não soube informar.

A carreta e o preso foram encaminhados a Delegacia de Polícia Civil de Rio Brilhante.

Jornal Midiamax