Polícia

Garoto de 12 anos atingido por tiro na cabeça em casa morre no hospital oito dias depois

Morreu durante a madrugada deste domingo (9), em Ponta Porã a 346 quilômetros de Campo Grande, o garoto de 12 anos, Weverton Dutra Henrique, atingido por um tiro na cabeça, no dia 1º de setembro em sua casa. Weverton foi atingido por dois disparos na altura da cabeça. O delegado responsável pelo caso disse que […]

Thatiana Melo Publicado em 09/09/2018, às 15h47 - Atualizado às 16h13

None

Morreu durante a madrugada deste domingo (9), em Ponta Porã a 346 quilômetros de Campo Grande, o garoto de 12 anos, Weverton Dutra Henrique, atingido por um tiro na cabeça, no dia 1º de setembro em sua casa.

Weverton foi atingido por dois disparos na altura da cabeça. O delegado responsável pelo caso disse que as investigações estão avançadas e que nos próximos dias será esclarecido. Logo, os autores do crime terão a prisão decretada.

O crime

Um homem chegou à casa das vítimas, no dia 1º de setembro, e perguntou pela mãe da criança, sendo informado que ela não estava. Momento em que o padrasto do garoto saiu e foi atingido por tiros. O menino que estava fora da casa acabou atingido com um tiro na cabeça.

O pistoleiro fugiu em seguida. Ele estava usando uma camiseta do time do São Paulo, era moreno, alto e usava bigodes. O garoto foi socorrido e levado para o hospital de Dourados. O padrasto passou por cirurgia e está bem. No local, a polícia recolher cápsulas deflagradas e tenta agora localizar o autor. Não há informações sobre a motivação para o crime.

Jornal Midiamax