Polícia

Carvoeiro que matou colega de trabalho esfaqueado após bebedeira acaba preso

Disse que matou depois de vítima se embriagar

Thatiana Melo Publicado em 21/02/2018, às 10h30

None

Disse que matou depois de vítima se embriagar

Foi preso em Água Clara, a 193 quilômetros de Campo Grande, o carvoeiro José Francisco Dias de 64 anos acusado de matar no dia 8 de fevereiro o colega de trabalho Claudemir Caetano de 50 anos.

Ele trabalhava na carvoaria em Três Lagoas há 6 meses e quando de sua prisão disse que matou Claudemir por que ele sempre o perturbava depois de ingerir bebidas alcóolicas. Ainda de acordo com o site JP News, no dia do crime ele teria se irritado com as provocações da vítima e a esfaqueado.Carvoeiro que matou colega de trabalho esfaqueado após bebedeira acaba preso

Claudemir chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu o hospital. José foi levado para a delegacia de polícia e de segundo o delegado Ailton Pereira de Freitas disse que neste ano já foram cinco homicídios na cidade.

Jornal Midiamax