Polícia

Cães farejadores ajudam nas buscas por tenente de 82 anos em Campo Grande

Os bombeiros vão usar dois cães farejadores para ajudar nas buscas pelo tenente aposentado Cândido Pereira de 82 anos, que desapareceu nesta segunda-feira (16), quando saiu de casa afirmando que buscar argila, no Jardim Santo Antônio. As buscas se concentram em duas linhas, uma fazendo investigação com vizinhos na Rua Brasília, onde o tenente mora […]

Thatiana Melo Publicado em 17/07/2018, às 09h48 - Atualizado às 11h05

None

Os bombeiros vão usar dois cães farejadores para ajudar nas buscas pelo tenente aposentado Cândido Pereira de 82 anos, que desapareceu nesta segunda-feira (16), quando saiu de casa afirmando que buscar argila, no Jardim Santo Antônio.

As buscas se concentram em duas linhas, uma fazendo investigação com vizinhos na Rua Brasília, onde o tenente mora para saber de outra possível localidade que o idoso posso estar, como a casa de alguém.

Dez militares fazem as buscas na região do bairro Sayonara, onde existe uma mata ciliar do córrego Imbirussu. O idoso é diabético, e o filho dele, Cleodir Garcia Pereira, de 44 anos, contou ao Jornal Midiamax, que o pai teria desaparecido por volta das 9 horas desta segunda (16), e que um amigo teria visto o aposentado saindo de casa na Rua Brasília afirmado que ia buscar argila em um córrego próximo.Cães farejadores ajudam nas buscas por tenente de 82 anos em Campo Grande

Cleodir disse que o pai se aproveitou que tinha trocado o horário do serviço de eletricista de rede para sair de casa. Quando chegou no fim da tarde desta segunda e mão encontrou Cândido, saiu em sua busca pelos bairros Jardim Imá, Jardim Aeroporto.

Mas como escureceu rápido e não tinham equipamentos para entrar na mata foram até a delegacia para registrar o boletim de ocorrência.

(Foto: Marcos Ermínio

Jornal Midiamax