Polícia

‘Amigo’ da família ajudou bandidos que invadiram casa em busca de cofre

Amarraram quem estava na residência, mas não acharam dinheiro

Thatiana Melo Publicado em 21/02/2018, às 14h36

None

Amarraram quem estava na residência, mas não acharam dinheiro

Dois jovens foram presos acusados de um roubo a uma residência, no Jardim Tarumã, no último domingo (18), em Campo Grande. A casa teria sido alvo dos ladrões após um ‘amigo’ da família passar informações de um possível cofre na residência.

Foram presos nesta terça-feira (20), Isla Cardoso Pereira de 21 anos e Heron Tavares de Araújo de 23 anos, os dois considerados de alta periculosidade e integrantes de uma quadrilha que agia na região sul de Campo Grande.

Segundo o delegado da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos) Reginaldo Salomão, um ‘amigo’ da família teria passado informações para os bandidos sobre o cofre na residência, “Eles acharam que tinha valores dentro do cofre, mas não tinha nada”, revelou o delegado.

O ‘amigo’ que ajudou no assalto passando informações já teria sido identificado pela polícia, mas não teve o nome revelado para mão atrapalhar as investigações. Ainda de acordo com Salomão, os integrantes desta quadrilha também teriam feito assaltos a motoristas de aplicativos na última semana. Um terceiro integrante identificado como Mateus Estevão da Silva de 18 anos ainda não foi localizado.

O veículo Fiat Uno levado pelos bandidos não foi recuperado e a polícia acredita que o carro já deva estar no Paraguai. Salomão ainda ressaltou que o número de roubos a residências aumentou depois da forte repressão da polícia ao tráfico de drogas e a roubos de celulares.'Amigo' da família ajudou bandidos que invadiram casa em busca de cofre

O caso

Uma família moradora do Bairro Jardim Tarumã, em Campo Grande, foi surpreendida na no último domingo (18), por três bandidos armados e encapuzados, que estavam atrás de um cofre.

A moradora contou que foi surpreendida pelos ladrões por volta das 23 horas quando já estava deitada em sua cama. Ela disse que a porta da residência estava destrancada já que estava à espera do filho, que ainda não tinha retornado para casa.

Os ladrões perguntavam a todo o momento pelo cofre que havia na residência, além de armas e joias. A vítima e a filha foram amarradas com fido de ventilador e trancadas dentro de um quarto. O carro da família e vários objetos foram levados.

(Foto: Cleber Gellio)

Jornal Midiamax