Polícia

Suspeito de assassinar ex a facadas no Caiobá teve carro depredado

Para escapar, pulou muro dos fundos do residencial

Midiamax Publicado em 05/06/2017, às 17h10

None

Para escapar, pulou muro dos fundos do residencial

O suspeito de matar a facadas Ramona Regilene Silva de Jesus, de 44 anos, no último domingo (4), no Portal Caiobá, teve o carro depredado por populares. A vítima foi perseguida e esfaqueada por todos os cômodos da casa e o feminicídio deixou a vizinhança aterrorizada.

Uma publicação do Jornal Comunitário Diário Caiobá, na internet, recebeu diversos comentários de pessoas próximas à vítima. Antes de ser morta, Ramona estava em um almoço na casa da irmã no Santa Emília, onde já teria discutido com o autor.

Após chegar ao Residencial Celina Jallad as brigas se intensificaram e com uma faca o suspeito per

Suspeito de assassinar ex a facadas no Caiobá teve carro depredado

seguiu Ramona pelos cômodos e a esfaqueou. Marcas de sangue ficaram por toda a casa. Ferida, a vítima correu para pedir socorro, caiu no quintal do vizinho, mas foi alcançada e golpeada mais vezes.

O esfaqueamento só parou após intervenção dos vizinhos. O homem tentou fugir de carro, mas não conseguiu abrir o veículo e pulou o muro dos fundos para escapar. “Realmente estamos chocadas, nunca esperava acontecer isso com alguém tão bacana”, disse uma vizinha e amiga da vítima.

De acordo com a publicação do Jornal Comunitário, indignados, populares depredam o carro do suspeito. Ramona deixou um casal de filhos, que não são do suspeito.

(Foto: Jornal Comunitário Diário Caiobá)

Jornal Midiamax