Polícia

Móveis fabricados por presos beneficiam asilo de MS

Materias foram feitos com madeira apreendida

Midiamax Publicado em 02/06/2017, às 22h00

None

Materias foram feitos com madeira apreendida

Mobiliários fabricados por detentos beneficiaram três instituições, nesta semana. O asilo São Francisco, por exemplo, recebeu seis camas. O restante dos materiais foi levado ao Estabelecimento Penal de Aquidauana (EPA) e a Delegacia de Polícia de Anastácio.

Os móveis foram produzidos por detentos, com madeira apreendida em consequência de crime ambiental. “A lei prevê que madeira ilegal seja declarada perdida e não devolvida ao dono, por isso autorizamos a doação da madeira utilizada na fabricação dos móveis”, explica o juiz Luciano, titular da comarca de Anastácio.

As parcerias entre as instituições e a justiça são estabelecidas mediante a apresentação de projetos que mostrem a necessidade da doação, e os benefícios abrangem a sociedade.

Móveis fabricados por presos beneficiam asilo de MS

Jornal Midiamax