Polícia

Morador da Capital cai de ponte na BR-163 e desaparece em rio

Buscas retornam nesta sexta

Diego Alves Publicado em 27/01/2017, às 00h20

None
bomb.jpg

Buscas retornam nesta sexta

Um homem caiu da ponte na BR-163 e desapareceu no Rio Brilhante, no trecho entre a cidade que leva o nome do rio e Dourados, no final da tarde desta quinta-feira (26). O Corpo de Bombeiros fez buscas durante aproximadamente uma hora, porém foram suspensas ao anoitecer.

Os militares que retornam com as buscas na manhã desta sexta-feira, disseram que foi realizado um procedimento chamado ‘’bater galhada’’ nas margens do rio, porém a vítima não foi encontrada.

De acordo com o site Rio Brilhante em Tempo Real, em cima da ponte, os policiais encontraram uma carteira de trabalho em nome de Ricardo Gauto 54 anos, que segundo a polícia é morador de Campo Grande.

Em contato com a família desse homem, os polícias foram informados que ele saiu de manhã de casa em Campo Grande e não mais retornou. Com isso a suspeita é que o homem desaparecido seja Ricardo.

Segundo a Polícia Civil a cerca de cinco meses Ricardo Gauto foi levado para a delegacia de Rio Brilhante por um fazendeiro, que mora próximo ao Rio Brilhante. Na época Ricardo informou à polícia que havia sido sequestrado por dois homens no distrito de Prudêncio Thomaz, após a negociação de um carro. Os supostos sequestradores teriam jogado ele de cima desta mesma ponte porém, ele relatou que conseguiu sair e buscar ajuda na fazenda.

Os irmãos de Ricardo estiveram na delegacia na época e disseram que ele tomava remédios controlados e que possivelmente a história contada por ele sobre o sequestro era invenção. A família o levou de volta para casa e o caso não chegou a ser registrado em boletim de ocorrência.

Jornal Midiamax