Polícia

Família acredita que policiais estão envolvidos em sumiço de irmãos

Denúncia foi protocolada no Ministério Público 

Clayton Neves Publicado em 18/08/2017, às 20h20

None

Denúncia foi protocolada no Ministério Público 

Familiares dos irmãos Rodney Campos dos Santos, de 27 anos e Edney Bruno Ortiz, de 20 anos, desaparecidos após abordagem policial na fronteira do Brasil com o Paraguai no último sábado (12), afirmam que duvidam da versão apresentada pelo DOF (Departamento de Operações de Fronteiras) de que os jovens teriam sido liberados após revista.

“Não acreditamos que os policiais liberaram os meninos e é fato que eles têm alguma a coisa a ver com o sumiço deles. Existe o vídeo que é uma prova de que os policiais estavam com eles e depois simplesmente nunca mais foram vistos”, afirma a comerciante Rosimeire Rosa da Silva Ortiz, de 41 anos, mãe de Edney e madrinha de Rodney.

De acordo com Rosimeire, nesta quinta-feira (17) a família protocolou denúncia no Ministério Público, para que o órgão apure possível excesso e abuso de poder por parte da polícia.

Enquanto aguardam as investigações, agarrados à esperança de encontrar os jovens com vida, a família vivencia um dos piores momentos já enfrentados. “A sensação é de sufoco, como se todos nós estivéssemos em uma lata de sardinha. Estamos arrasados, sem coração. Simplesmente não tem justificativa fazer isso com dois meninos que todo mundo gostava”, explica.

O desaparecimento

O pai dos rapazes, Claudinei Amorim Santos, de 48 anos, lembra que no sábado (12) por volta das 11h30, Rodney e Edney saíram de casa do carro do aposentado dizendo que iriam para a casa de um amigo, porém, que a visita seria rápida. “Eles disseram que voltariam para o almoço, mas até agora nada”, afirma.

Mesmo há quase uma semana sem notícias dos filhos, Claudinei diz que segue confiante na volta dos jovens. “Tem sido bem complicado ficar sem saber deles, mas estamos na esperança de encontrá-los vivos”, relata.

O que diz o DOF

Em nota o DOF explicou sobre o afastamento dos policiais e investigações sobre o caso. Leia a nota:

Dourados (MS) – O Diretor do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), Coronel PM Kleber Haddad Lane, informa que baixou uma Postaria instaurando um Inquérito Policial Militar (IPM) para apuração dos fatos, tão logo teve acesso às imagens e filmagens de uma abordagem do DOF ocorrida em Ponta Porã, MS.

Os policiais militares de serviço daquela área foram afastados das suas funções e aguardam o transcorrer das investigações.

Desaparecimento

Os irmãos são moradores de Ponta Porã e desapareceram no último sábado (12). O veículo, um VW Golf foi encontrado abandonado no mesmo dia na cidade. Segundo a família, a abordagem ocorreu no mesmo dia.

Imagens mostram a abordagem policial aos irmãos, que circulam em redes sociais. Em uma das imagens, um dos jovens entra no banco traseiro do carro, e neste momento um policial entra pela porta do motorista, e outro policial pela porta do passageiro do veículo.

Já ao fundo aparecer o outro rapaz entrando na viatura da polícia. Rodney, que entrou na viatura policial tem passagens pela polícia por tráfico de drogas.

Jornal Midiamax