Polícia

Depois de roubar celular, assaltante é ‘detido’ e agredido por populares

Suspeito teve de ser levado para UPA

Midiamax Publicado em 29/01/2017, às 10h17

None
depac_centro_-_cleber_gellio_9_2.jpg

Suspeito teve de ser levado para UPA

Um assaltante, de 23 anos, foi detido e agredido por populares depois de roubar um celular. O fato aconteceu na noite desse sábado (28), por volta das 21h15, na Avenida Ministro Linhares na Vila Palmira em Campo Grande.

De acordo com o boletim de ocorrência, a vítima de 19 anos, estava dentro do carro, esperando o namorado, quando foi abordada pelo suspeito.

Conforme os relatos, o assaltante estava armado com uma faca e obrigou a jovem a entregar o celular. Assustada, a vítima gritou e o suspeito fugiu em uma bicicleta. 

O namorado da jovem percebeu o que havia acontecido e tentou seguir o suspeito a pé, mas não conseguiu alcançá-lo. Ele retornou e com ajuda de um amigo continuou a perseguição de carro até conseguir alcançar o assaltante, que foi detido e agredido por populares. 

A Polícia Militar foi acionada e encaminhou o suspeito para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Santa Mônica. 

Com o assaltante foram encontrados R$ 40,00 e um estilete. Aos policiais ele disse que durante a fuga conseguiu vender o celular por R$ 40,00 a um homem identificado apenas como "Gordinho do gás".

O dinheiro foi entregue à jovem. Já a bicicleta usado no crime e o celular da vítima não foram encontrados. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário), como roubo majorado pelo em prego de arma.

Jornal Midiamax