Polícia

Corpo de criança que sumiu em córrego é encontrado a 2 km de onde desapareceu

Menino sumiu enquanto brincava com amigos

Thatiana Melo Publicado em 20/01/2017, às 10h48

None
00feae66-1d4d-4da3-8102-2b68534d6245.jpg

Menino sumiu enquanto brincava com amigos

O menino, de 12 anos, Cauã Christopher Bezerra Gonçalves, que desapareceu nas águas do córrego Imbirussu nesta quinta-feira (19), foi encontrado pelo Corpo de Bombeiros. O corpo da criança foi localizado no Complexo do Parque Imbirussu, nesta manhã de sexta-feira (20).

As buscas que foram encerradas por volta das 20 horas desta quinta-feira (19) foram retomadas por volta das 5h30 desta sexta-feira (20), e aproximadamente 10 quilômetros do leito do córrego foram vistoriados pelos militares, que tinham dois mergulhadores na busca pelo menino. Familiares acompanharam o trabalho do Corpo de Bombeiros.

A criança foi encontrada em um banco de areia a dois quilômetros da queda. Um raio de aproximadamente cinco quilômetros foi vistoriado pelos bombeiros. Acreditava-se que o menino poderia ter ficado preso a galhos de árvores.

De acordo com o Tenente Fernandes do Corpo de Bombeiros, as crianças devem ter sido surpreendidas quando brincavam as margens do córrego, já que o nível da água subiu muito rápido. Segundo informações da família está seria a primeira vez que o menino brincava com os amigos, na beira do córrego.

O sumiço

O menino sumiu quando brincava com um irmão e um primo, de 14 e 16 anos. Os meninos tomavam banho na região, mas o córrego naquele ponto recebe água de outros bairros, como Santo Amaro e Santo Antônio.

A criança e os adolescentes foram surpreendidos por uma tromba d`agua. A correnteza começou a arrastar os três. O menino de 14 anos conseguiu escapar e um pedreiro, Rodrigo Ricaldes, correu para ajudar os outros dois. Ele conseguiu resgatar o mais velho, mas o menino, de 12 anos, acabou levado pelas águas.

A criança mora com o pai a poucas quadras de onde o acidente aconteceu, no Jardim Sayonara. Abalada com o corrido, a família preferiu não conversar com a imprensa, mas acompanha as buscas de perto.
O menino teria desaparecido ainda no Córrego Anhanduizinho, que logo se transforma em Imbirussu. 

(Matéria editada às 09h30 de 21 de Janeiro de 2017 para correção de informação)

Jornal Midiamax