Polícia

Sogro morre depois de ser ferido a tiros por genro ao voltar de igreja

Vítima estava na UTI de hospital

Thatiana Melo Publicado em 27/10/2016, às 12h40

None
sogro_morto.jpg

Vítima estava na UTI de hospital

Renato Sérgio Coffers, de 52 anos, morreu nesta quarta-feira (26) depois de ser ferido a tiros pelo ex-genro, na cidade de Três Lagoas distante 339 quilômetros de Campo Grande, depois de voltar de um culto religioso.

Ele estava internado em um hospital da cidade, na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) depois de ser ferido com três tiros, que atingiram a cabeça, o ombro e as costas. Ainda de acordo com o site Portal de Notícias de Três Lagoas, Renato foi medicado passou por exames e por cirurgia.

O corpo de Renato foi levado para Araçatuba, interior de São Paulo onde está sendo velado.

O crime

Depois de voltar de um culto religioso e tentar fechar o portão de sua residência, um homem, de 52 anos, foi ferido com três tiros e o suspeito do crime seria o genro, de 32 anos. O crime aconteceu na cidade de Três Lagoas localizada a 339 quilômetros de Campo Grande.

A vítima e a esposa chegaram de um culto religioso por volta das 23h30 desta terça-feira (25), a mulher entrou e o marido foi fechar o portão, quando estava fechando foi ferido com três tiros que atingiram a cabeça, o ombro e as costas.

A mulher ouviu os disparos e correu para ver o que acontecia, mas o autor já tinha fugido. Durante o atendimento médico, a vítima disse que o autor dos disparos seria o genro. A polícia realizou diligências na tentativa de localizá-lo, mas sem sucesso.

Jornal Midiamax