Polícia

Padrasto é denunciado após passar 5 anos abusando de criança

Vítima tem hoje 14 anos

Renata Portela Publicado em 24/06/2016, às 13h35

None
arma_de_fogo_-_pc.jpg

Vítima tem hoje 14 anos

Na manhã de quinta-feira (23), por volta das 9 horas, homem foi preso em Jaraguari, cidade a 47 quilômetros de Campo Grande. Ele foi denunciado por suspeita de estuprar a enteada, uma adolescente de 14 anos.

Segundo informações da Polícia Civil, funcionários da escola perceberam o comportamento estranho da menina e acionaram o Conselho Tutelar. Conselheiros conversaram com a mãe da vítima e ela chegou a dizer que desconfiava que a filha pudesse ter sofrido abuso por parte do padrasto, mas não tinha certeza.

A mãe teria ficado inconformada com a história e ainda denunciou que o homem tinha, ilegalmente, uma arma de fogo em casa. O padrasto da vítima foi preso em flagrante pelo porte ilegal de arma de fogo e o revólver calibre 38, municiado, foi apreendido. O caso de estupro de vulnerável segue em investigação e a informação até o momento é de que há 5 anos o homem cometia os abusos.

A vítima deve passar por exame de corpo de delito, mas segundo relato dela a polícia, não havia conjunção carnal, apesar dos abusos que configuram o estupro. O homem foi preso em flagrante e foi encaminhado para a delegacia.

Jornal Midiamax