Polícia

Filho vê ex-marido esfaqueando a mãe e consegue desarmar o homem

Agressor foi preso

Renata Portela Publicado em 06/09/2016, às 10h34

None
delegacia_de_nioaque.jpg

Agressor foi preso

Na noite de segunda-feira (5), homem de 58 anos foi preso em flagrante após agredir e tentar esfaquear a ex-mulher, de 41 anos. O caso aconteceu em Nioaque, cidade a 187 quilômetros de Campo Grande e a vítima só não foi esfaqueada no tórax porque o filho a defendeu.

Segundo informações do boletim de ocorrência, policiais militares foram acionados para irem até a casa da vítima, onde ela tinha sido esfaqueada. Foi solicitada uma ambulância e os militares encontraram a mulher na residência, com um ferimento na mão direita. Ela foi encaminhada para a unidade de saúde, onde recebeu atendimento.

Após ser atendida, a mulher contou aos policiais que o agressor tinha fugido em uma bicicleta vermelha e apontou as características dele. Os militares fizeram buscas e encontraram o homem de 58 anos nas proximidades de um bar e em visível estado de embriaguez. Ele foi preso em flagrante e, após a prisão os policiais conseguiram conversar com a vítima e entender melhor o que tinha acontecido.

Conforme relato da mulher, ela estava em casa quando o ex chegou embriagado, gritando e a xingando. Ela exigiu que ele saísse da residência, mas o ex pegou um facão e começou a agredir a vítima com vários golpes. Os dois entraram em luta corporal e ele então pegou uma faca, tentando atingir a vítima no tórax.

A vítima colocou a mão na frente, então foi ferida. Ela ainda disse aos policiais que só não foi esfaqueada no tórax porque o filho chegou e conseguiu desarmar o agressor. O caso foi registrado como lesão corporal dolosa, quando há intenção, qualificada por violência doméstica.

Jornal Midiamax