Polícia

Dupla é presa após deixar carro usado para cometer assalto estacionado na frente de casa

Eles chegaram a dar um tiro durante um roubo

Renata Portela Publicado em 11/03/2016, às 13h37

None
depac_piratininga-gw_1.jpg

Eles chegaram a dar um tiro durante um roubo

Na noite de quinta-feira (10), Luiz Miguel Marim da Silva, de 18 anos, e João Marcos de Oliveira de Freitas, de 19 anos, foram presos em flagrante por receptação no Jardim São Conrado. Eles também foram reconhecidos como autores de um roubo no Aero Rancho, no dia 5 deste mês.

De acordo com o boletim de ocorrência, equipe do Batalhão de Choque foi acionada para ir até a casa na Rua Ouro Preto, Jardim São Conrado, região sudoeste da Capital. No local, denunciaram que um carro usado em roubos estaria estacionado na frente. Os policiais encontraram João, proprietário da casa onde o Gol branco estava e ele teria dito que não era dono do carro.

Ainda segundo a polícia, João alegou que o veículo era da vizinha e foi para dentro da casa, tentando se esconder. Os militares abordaram novamente o rapaz, já dentro da residência, na companhia de Luiz e da namorada do rapaz. A jovem estava com um celular nas mãos, que foi reconhecido como produto de roubo e apreendido.

Assalto

Consta no registro policial que, na delegacia, Luiz e João Marcos foram reconhecidos como autores de um assalto ocorrido no dia 5, em uma conveniência no Aero Rancho. Na ocasião, os suspeitos teriam chegado no Gol branco ao local, desceram e foram em direção ao idoso de 70 anos, pai do proprietário do estabelecimento.

De acordo com a polícia, os assaltantes ordenaram que ele e o filho deitassem no chão e roubaram R$ 250. Antes da fuga, um dos rapazes, que portava uma arma de fogo, ainda teria dado um tiro para cima. A dupla, encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, deve responder por receptação, roubo majorado pelo emprego de arma e concurso de pessoas e disparo de arma de fogo.

Jornal Midiamax