Polícia

Demitido por mostrar as partes íntimas a colegas ameaça patrão por Whats

Autor foi até a casa do ex-patrão

Thatiana Melo Publicado em 26/01/2016, às 15h05

None
depac_centro-gw2.jpg

Autor foi até a casa do ex-patrão

O proprietário de uma empresa prestadora de serviços, de 52 anos, passou a ser ameaçado pelo ex-funcionário, de 67 anos, demitido em janeiro deste ano, por justa causa ao ficar mostrando as partes íntimas para colegas da empresa, em Campo Grande.

O idoso trabalhou na empresa durante um ano e cinco meses e foi demitido por justa causa depois de vários episódios de constrangimento, em que ficava, segundo relatos, mostrando fotos das partes íntimas para as secretárias da empresa.

Depois da demissão, o ex-funcionário foi acompanhando de mais quatro homens até a casa do empresário, seu ex-patrão, fazendo ameaças, cobrando os direitos trabalhistas acusando a vítima de estar enrolando para pagá-lo.

O idoso ainda passou a publicar na rede social Facebook e em grupos de WhatsApp as conversas, com comentário maldosos que teve com o proprietário da empresa, “Caloteiro, não paga conta, carrasco”.

Foi registrado um boletim de ocorrência na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) do Centro como difamação.

Jornal Midiamax