Polícia

‘Compadre’ mata dentro de casa por ciúmes da afilhada em Campo Grande

Vítima foi ferida no tórax, cotovelo e perna  

Thatiana Melo Publicado em 24/10/2016, às 10h07

None
_mg_0081.jpg

Vítima foi ferida no tórax, cotovelo e perna

Na noite deste domingo (23), Hudson Franco, de 30 anos, foi assassinado com três tiros dentro de sua residência no Jardim Santa Emília, em Campo Grande. Ele foi ferido no tórax, cotovelo e perna.

A esposa de Hudson disse a polícia que estava em sua residência com o marido e mais um amigo, quando por volta das 21 horas deste domingo (23), um homem que seria conhecido da mulher, por ser padrinho de sua filha, de 4 anos, chegou ao imóvel de posse de uma arma de fogo.

O atirador teria encontrado primeiro o amigo do casal, mas avisou que 'não era ele' e passou a disparar contra Hudson. Três disparos atingiram o tórax, cotovelo e a perna do homem, que morreu no local.

O autor fugiu. A polícia foi acionada e a mulher de Hudson afirmou que o motivo para o crime seria a filha da mulher, que o autor seria padrinho. A polícia não conseguiu localizar o homem.

Jornal Midiamax