Polícia

Adolescentes de 13 e 15 anos são suspeitos de matar homem e desfigurar rosto

Terceiro suspeito é procurado pela polícia

Gerciane Alves Publicado em 14/03/2016, às 18h56

None
caso_lageado.jpg

Terceiro suspeito é procurado pela polícia

Policiais do SIG (Serviço de Investigações Gerais) da Polícia Civil apreenderam na manhã desta segunda-feira (14) dois adolescentes, de 13 e 15 anos, suspeitos de assassinar a pauladas Edvar Malheiros de Arruda, de 43 anos, no domingo (13) no Parque do Lageado, na região sul de Campo Grande. 

O local onde os adolescentes foram encontrado não foi revelado pelo policiais, mas segundo informações o crime teve motivação fútil já que em breve depoimento à polícia os adolescentes disseram que mataram Edvar por ele ter se recusado a pagar cerveja para eles. Um terceiro envolvido, também adolescente, está sendo procurado pela polícia.

Os adolescentes foram encaminhados para a (Deaij) Delegacia Especializada de Atendimento à Infância e Juventude.

O caso

Por volta das 9h de domingo (13), a aposentada Cleuza Leonel dos Santos, de 45 anos, encontrou o corpo de um homem com o rosto desfigurado, nos fundos de sua residência, no Bairro Parque do Sol, na região sul de Campo Grande. Ela afirmou que ao abrir a porta da cozinha se deparou com o corpo do homem coberto por telhas.

Cleuza ainda diz que durante a madrugada ouviu barulhos estranhos vindo do quintal da residência. A vítima, Edvar Malheiros de Arruda, de 43 anos, foi espancada até a morte na Rua Evelina Figueiredo Selingardi com a Rua Valdivino Guimarães e depois arrastada para a residência da aposentada.

O documento de Arruda foi encontrado pelo pedreiro Roque Arce, de 46 anos, que passava pelo local do crime, por volta das 5 horas. A vítima era conhecida na região. Segundo os vizinhos, Arruda era casado e morava próximo do local do crime.

Jornal Midiamax