Polícia

Visitante tenta entrar em presídio com celulares escondidos nos chinelos

Ela teve o direito de visita cancelado

Renata Portela Publicado em 28/09/2015, às 15h04

None
chinelo.jpg

Ela teve o direito de visita cancelado

Camila Suelen da Silva Albuquerque, de 21 anos, foi detida e indiciada por favorecimento real, ao tentar entrar com celulares na PED (Penitenciária Estadual de Dourados). Ela foi flagrada durante a revista íntima no sábado (26).

De acordo com a assessoria da Agepen (Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário), durante revista íntima, os agentes penitenciários notaram que os chinelos de Camila haviam sido modificados. Ela havia cortado os calçados, escondido os aparelhos e colado os chinelos novamente.

A jovem foi indiciada e a pena vai de três meses a um ano de detenção. Ela ainda teve o direito de visita cancelado e não há informação do interno que ela visitaria.

Jornal Midiamax