Polícia

Vigia procura polícia após cachorro invadir empresa e matar 4 carneiros

Os donos do animal não foram encontrados

Renata Portela Publicado em 05/10/2015, às 11h23

None
depac_centro_-_cleber_gellio_14.jpg

Os donos do animal não foram encontrados

Na tarde de domingo (4), por volta das 16 horas, o vigilante de uma construtora de Campo Grande, de 36 anos, procurou a Polícia Civil para relatar caso de omissão de cautela na guarda ou condução de animais. Ele afirma que um cachorro invadiu a empresa, localizada na BR-060, e matou 4 carneiros que eram criados no local, mas os donos do animal não foram encontrados.

Segundo informações do boletim de ocorrência, o vigilante estava de serviço, quando viu o cachorro, marrom e de porte grande, que ele diz parecer ser um fila, entrar na construtora. Conforme relato do funcionário, o cão entrou em uma área cercada da empresa, onde são criados carneiros, e matou 4 animais.

Quando o cachorro saiu, o vigilante e um supervisor o seguiram e notaram que ele entrou em um restaurante no Bairro Noroeste. Eles tentaram procurar o dono do cachorro, mas não havia ninguém no local. O caso foi registrado na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Centro.

Jornal Midiamax