Polícia

Vídeo de briga entre duas adolescentes em terminal causa polêmica na internet

Vídeo mostra meninas trocando tapas sem interferência

Wendy Tonhati Publicado em 02/04/2015, às 16h30

None
briga.jpg

Vídeo mostra meninas trocando tapas sem interferência

Menos de um mês depois da morte da estudante Luanna Braga Vilella, de 16 anos, em uma briga em um terminal de transbordo de Campo Grande, um vídeo de uma briga envolvendo duas estudantes foi divulgado na segunda-feira (30 de março) em uma página do Facebook.

A página que divulgou as imagens não informou a data em que o vídeo foi feito. A GCM (Guarda Civil Municipal) afirmou que não houve registro de brigas recentes no Terminal Júlio de Castilho, onde as adolescentes aparecem brigando.

Em poucas horas, o vídeo teve mais de 500 curtidas, 230 compartilhamentos e 266 comentários. Muitos comentários questionaram os motivos da violência, a falta de controle de pais e responsáveis, o fato de nenhum fiscal do terminal ter aparecido para separar a briga e até o passe livre para estudantes. Já outros, embora critiquem as agressões, dirigiram xingamentos às adolescentes.

No vídeo é possível ver duas meninas trocando tapas. Uma veste uniforme da rede estadual de ensino e a outra, uma roupa preta. Em seguida, outras duas garotas entram na briga e agridem a adolescente de preto, com chutes e socos.

A menina que está em desvantagem entra em um espaço cercado, possivelmente onde seria o bebedouro e continua sendo agredida. Um menino tenta separar a briga, outros tapas e puxões de cabelo são trocados até a menina conseguir ficar livre.

A GCM ainda informou ao Jornal Midiamax, que os guardas permanecem 24 horas no local, mas há a possibilidade de as adolescentes terem se agredido em um lado do terminal enquanto, os agentes estavam fazendo a ronda e outro ponto, e depois, elas tenham entrado no ônibus e ido embora.


Clique aqui para assistir o vídeo

Conforme a GCM, adolescentes tem transferido as brigas, que aconteciam nas saídas das escolas, para os terminais de transbordo.

Jornal Midiamax