Polícia

Por ciúmes da mulher, homem esfaqueia um em praça do interior

Mulher agredida recusou atendimento médico por duas vezes

Midiamax Publicado em 14/06/2015, às 12h24

None
praca_cassilandia.jpg

Mulher agredida recusou atendimento médico por duas vezes

Homem de 31 anos foi preso ao esfaquear popular que tentou intervir na briga dele com a mulher na Praça de Cassilândia, a 430 quilômetros de Campo Grande. O fato aconteceu na noite desta quinta-feira (13), por volta das 20h30.

Conforme o registro policial, a vítima tentou separar a briga de um casal quando foi atingido por um golpe de faca no abdome pelo homem. O agressor, após o esfaqueamento, fugiu do local em uma bicicleta.

A vítima foi socorrida e encaminhada para a Santa Casa do município. A PM (Polícia Militar) foi acionada, fez rondas para tentar localizar o agressor. Em seguida a polícia foi acionada para socorrer uma mulher grávida que havia sido agredida por um homem conhecido como ‘baiano’.

Ela foi socorrida e encaminhada para o hospital, quando a equipe chegou ao local foi informada pela atendente que a vítima passaria por cirurgia, mas que não aguardou atendimento e saiu caminhando.

A mulher era a possível a pivô da confusão na praça. O motivo da briga foi ciúmes porque ela estava visivelmente embriagada. Quando o policial civil retornava para a delegacia se deparou com o autor em atitude suspeita tentando esconder algo atrás das costas.

Edson Marques Moreira jogou a faca e tentou fugir. Por volta das 23h30, a PM foi acionada para atender uma ocorrência de violência doméstica nas proximidades da rodoviária. Ao chegar ao local, os militares viram quando Moreira jogando a mulher no chão e puxando os cabelos dela.

Ele foi preso e identificado como o autor do esfaqueamento na praça. Foi a segunda agressão que a mulher havia sofrido dele. Novamente ela recusou atendimento médico. Moreira foi reconhecido pela vítima.

Baiano foi preso e autuado por homicídio simples na forma tentada e violência doméstica na Delegacia de Polícia Civil do município.

Jornal Midiamax