Polícia

Mulher tem cartão de crédito clonado e leva prejuízo de R$ 2,8 mil

A fatura veio com uma compra parcelada em quatro vezes de R$ 700

Midiamax Publicado em 07/08/2015, às 15h19

None
images_1.jpg

A fatura veio com uma compra parcelada em quatro vezes de R$ 700

Mulher de 27 anos teve cartão de crédito clonado e prejuízo chega a R$ 2,8 mil em Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande. O fato foi na manhã desta sexta-feira (7).

Conforme o registro policial, a vítima procurou a Delegacia de Polícia Civil para reclamar da fatura do seu cartão de crédito ter vindo a cobrança de uma compra parcelada em quatro vezes de R$ 700, sem ter feito o gasto.

A vítima disse que nunca perdeu o cartão e que esta é a segunda vez que a operadora faz a cobrança ilegal. Ela disse que já procurou a agência bancária que a orientou a procurar a operadora de crédito, mas que até o momento o problema não foi solucionado.

O fato foi registrado na 1ª DP (Delegacia de Polícia Civil) como estelionato. A polícia vai investigar o caso.

Jornal Midiamax