Polícia

Motorista levaria neta de 1 ano para a creche quando atropelou criança

A menina não resistiu aos ferimentos

Renata Portela Publicado em 05/10/2015, às 14h33

None
viatura.jpg

A menina não resistiu aos ferimentos

G.A.S., de 59 anos, que atropelou e matou a neta de 1 ano e 2 meses na manhã desta segunda-feira (5), era acostumado a levar a criança todos os dias para a creche. A família é moradora de Coxim, cidade a 253 quilômetros de Campo Grande, e o acidente ocorreu na garagem da casa.

Segundo informações da Polícia Civil, que esteve no local acompanhada pela equipe da Perícia, o avô levava a menina para a creche diariamente e, na manhã desta segunda-feira, por volta das 7 horas, não percebeu que a criança o seguiu até a caminhonete. De acordo com a polícia, ele só percebeu quando deu marcha ré na Ranger, prata, placas de Coxim, e atropelou a criança.

Os policiais conversaram com os familiares, que estavam muito abalados, e confirmaram a versão do avô. O homem ia tirar a caminhonete da garagem da casa da família, localizada na Rua Príncipe da Paz, no Bairro Nova Coxim, quando ocorreu o acidente. Ele foi encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil de Coxim e presta depoimento sobre o caso.

O avô responderá pelo homicídio culposo. Ele ainda socorreu a criança e a encaminhou para o Hospital Regional Álvaro Fontoura, mas ela não resistiu aos ferimentos.

Jornal Midiamax