Polícia

Ex-funcionário de obra atira duas vezes em construtor ao cobrar pagamento

A vítima está em estado grave

Renata Portela Publicado em 11/11/2015, às 14h29

None
timthumb.php_.jpeg

A vítima está em estado grave

Na manhã desta quarta-feira (11), José Arlindo Kio, de 55 anos, e Hélio Aparecido de Jesus Silva, de 45 anos, foram vítimas de disparos de arma de fogo em Dourados, cidade a 225 quilômetros de Campo Grande. O construtor e o pedreiro foram feridos a tiros por um ex-colega de trabalho.

Segundo informações da polícia, um ex-funcionário de José Arlindo foi até a casa em construção, no Jardim Santa Fé, cobrar pagamento por serviços que teria prestado ao construtor. A princípio, José ainda não teria recebido pela obra e, por isso, não tinha como pagar o funcionário.

O suspeito chegou ao local e atirou contra José, que foi atingido com dois disparos nas costas, onde os projéteis ficaram alojados. Hélio, que estava próximo ao construtor, foi atingido no braço direito. O homem deixou o local e as vítimas foram socorridas por colegas de trabalho e encaminhadas para o Hospital Universitário de Dourados.

O Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) foi acionado e encaminhou as vítimas ao Hospital da Vida. José Arlindo passou por cirurgia e permanece internado em estado grave, conforme apurou o site 94FM. Já Hélio está em observação. O caso foi registrado na 1ª Delegacia de Polícia Civil de Dourados e é investigado.

Jornal Midiamax