Polícia

Empresa desconfia de atestado e médico denuncia falsificação à polícia

Empresa procurou o médico após suspeitar de atestado

Wendy Tonhati Publicado em 17/06/2015, às 14h52

None
6a_dp.jpg

Empresa procurou o médico após suspeitar de atestado

A Polícia Civil vai investigar a utilização de um atestado médico falso por um jovem de 18 anos, em Campo Grande. Um médico clinico geral, de 47 anos, procurou a Polícia Civil nesta quarta-feira (17), após receber a notificação de uma empresa de telefonia, questionando se ele realmente havia emitido o documento apresentado pelo rapaz.

O médico disse aos policiais que o atestado está assinado em nome dele, mas que a assinatura e o carimbo são falsos. Ele ainda afirmou à polícia que o jovem não se consultou no hospital particular que ele atende.

O caso foi registrado como falsificação de documento particular e uso de documento falso na 6ª Delegacia de Polícia Civil de Campo Grande.

Jornal Midiamax