Dinheiro não foi levado de caixa eletrônico ‘estourado’, diz titular da Garras

Caso ocorreu no Prático Aero Rancho
| 08/07/2015
- 23:11
Dinheiro não foi levado de caixa eletrônico ‘estourado’, diz titular da Garras

Caso ocorreu no Prático Aero Rancho

O dinheiro que estava no caixa eletrônico do Banco do Brasil estourado na madrugada desta quarta-feira (8) no Prático do Aero Rancho, região sul de Campo Grande, não foi levado, conforme informações do titular da Garras (Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros), Edilson dos Santos Silva. “Acredito que não tenha havia tempo, mas tudo isso será investigado, por enquanto é tudo muito recente”, explicou para a equipe do Jornal Midiamax.

O delegado ressaltou que a princípio apenas uma pessoa estaria envolvida no roubo, porém prefere não dar muitas informações para não atrapalhar nas investigações. Esta seria a segunda tentativa de um furto no local.

Segundo uma testemunha que preferiu não se identificar, os criminosos quebraram a janela e entraram no local com a ajuda de uma corda. Marcas de pegadas ficaram na parece por onde eles desceram.

Os assaltantes atearam fogo no terminal de autoatendimento que ficou destruído. Funcionários que chegaram para trabalhar presenciaram a cena e acionaram a PM (Polícia Militar) que isolou o local até a chegada da perícia.

Os responsáveis pela agência ainda não compareceram ao Prático e não têm informações se os ladrões levaram dinheiro. Os levantamentos ainda estão sendo feitos e a polícia investiga o caso.

Segundo caixa estourado

Na noite desta terça-feira outro caixa eletrônico foi incendiado e sofreu tentativa de roubo na agência do Banco do Brasil no Bairro Monte Líbano, em Campo Grande.

Conforme o registro policial, o ladrão tentou colocar fogo em um dos dez terminais de autoatendimento da agência na entrada de envelopes para depósitos. O criminoso não conseguiu levar nenhum dinheiro, mas na fuga acabou esquecendo o capacete em cima do balcão.

Veja também

Últimas notícias