Polícia

Desentendimento acaba em morte e com homem ferido

Marcio da Silva morreu após levar duas facadas e Antonio Nunes Goncalves  foi ferido no rosto

Gerciane Alves Publicado em 09/08/2015, às 14h59

None
esfaqueado.jpg

Marcio da Silva morreu após levar duas facadas e Antonio Nunes Goncalves  foi ferido no rosto

Um pessoa morreu e outra ficou ferida na tarde deste sábado (8) na Aldeia Indígena Limão Verde em Amambai, cidade a 342 quilômetros de Campo Grande após um suposto desentendimento. Marcio da Silva de 31 anos morreu após levar duas facadas e Antonio Nunes Goncalves de 21 anos foi ferido no rosto.

Segundo informações do registro policial, Antonio Nunes estava na casa da irmã quando Celso Gonçalves de 21 anos chegou e desferiu um golpe de faca em seu rosto. Ao sair do local, Celso encontrou Marcio da Silva a cerca de 20 metros dali e desferiu nele um golpe no tórax do lado esquerdo e outro na axila esquerda.

O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas Marcio não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo no local. Questionado sobre o motivo do crime, Celso disse que Antônio havia se negado a dar bebida alcoólica a ele, fato que o deixou nervoso. O caso foi registrado como homicídio qualificado por motivo fútil e lesão corporal dolosa. 

Jornal Midiamax