Polícia

De olho na excelência, Polícia Militar de MS deve abrir escola em Campo Grande

Brasil tem mais de 90 escolas militares de PMs

Midiamax Publicado em 11/08/2015, às 02h30

None
colegio_da_pm_em_vitoria_da_conquista.jpg

Brasil tem mais de 90 escolas militares de PMs

A rigidez na postura em que os alunos devem ter nas escolas que são geridas pela PM (), mostra que os resultados na hora de estudar são levados a sério, por conta disso, nove estados que tem o projeto deste tipo de centro de ensino ficaram em 1º lugar entre as escolas estaduais no Enem (Exame Nacional de Ensino Médio). Por conta destes dados, a PM de Mato Grosso do Sul já conseguiu a aprovação para implantar o Colégio Tiradentes no Estado.

“Isso já sendo conversado há algum tempo, desde o início em que o comandante Oliveira tomou posse, começou a viabilizar este projeto. Já foi montada uma comissão com parceria com a Secretaria de Educação do Estado e com a aprovação do governo do Estado”, explicou o tenente-coronel Voltaire, que é assistente do Comando-Geral, para a equipe do Jornal Midiamax.

O mentor do projeto para o Estado é comandante da PM de Mato Grosso do Sul, coronel Deusdete de Oliveira, tomou posse do cargo em janeiro deste ano. “Tudo está sendo conversado e analisado, pois a intenção é fazer uma escola de excelência como as demais, para isso, temos que elaborar um projeto que vá dar bons resultados”, frisa o tenente-coronel.

Voltaire adianta que apesar da aprovação do governo de Mato Grosso do Sul, o local para a construção da escola ainda não foi decidido. “Para isso precisamos de subsídios e tudo isso é estudo pela comissão, por isso ainda não há uma data definida”, ressalta.

Por conta disso, não há como dizer quantos alunos ela deve receber, faixa etária, dentre outros detalhes. A escola em Mato Grosso do Sul se chamará “Colégio Tiradentes”, que faz menção ao patrono da PM.

Colégios militares

No Brasil há pelo menos 93 instituições que são geridas pela PM e neste ano, Minas Gerais criou mais duas, chegando a 22 naquele Estado, que atende a mais de 20 mil alunos. A Bahia, que já tem 13, deve abrir mais quatro, conforme informações da reportagem da Folha de São Paulo.

A reportagem que foi publicada nesta segunda-feira (10), ainda ressalta que os bons resultados no Enem fizeram com que, oito colégios goianos na volta das férias adotassem os mesmos moldes. Assim, naquele Estado, o número que era de 18, foi para 26 colégios militares. 

Jornal Midiamax