Polícia

Após perseguição, polícia apreende mais 1,2 tonelada de maconha na BR-497

O veículo usado no transporte foi furtado em Minas Gerais 

Mikaele Teodoro Publicado em 22/11/2015, às 17h58

None
delegacia_de_paranaiba.jpg

O veículo usado no transporte foi furtado em Minas Gerais 

Após perseguição, a Polícia Militar de Paranaíba, a 405 quilômetros de Campo Grande, prendeu em flagrante, na madrugada deste domingo (22), Maycon Vinicius Ferreira. Ele conduzia uma caminhonete S-10, de cor prata e placa HEU-8662, carregada com pelo menos 1,2 tonelada de maconha. O condutor confessou que transportaria a droga até a cidade de Presidente Prudente, São Paulo.

De acordo com relato policial, os militares realizavam ronda de rotina pelo Bairro Santa Mônica, em Paranaíba, quando Maycon tentou fugir ao avistar a viatura da PM. O traficante teria rejeitado os pedidos de parada e empreendeu fuga em alta velocidade pela rodovia BR-497.

Os militares acionaram outras viaturas da PM e iniciaram perseguição ao veículo que seguia com destino a divisa entre Mato Grosso do Sul e Minas Gerais. A perseguição só terminou após disparos de arma de fogo nos pneus da caminhonete. O condutor perdeu a direção, tentou fugir a pé, mas foi capturado pelos policiais.

No interior do veículo, a policia encontrou mais de 1,2 tonela de maconha e um “tijolo” de haxixe. O condutor confessou que sabia da existência da maconha e disse ainda que levaria o entorpecente até Ribeirão Preto, São Paulo. No entanto, disse desconhecer a presença do haxixe. Ainda de acordo com o depoimento de Maycon à policia, a placa do veículo, furtado em Minas Gerais, era trocada a cada cidade.  

Jornal Midiamax