Polícia

Polícia fecha ‘Boca da Márcia’ e prende quatro por tráfico de drogas na Vila Nhá-nhá

A Delegacia Especializada em Repressão ao Narcotráfico (Denar) fechou mais um ponto de venda de drogas na Vila Nhá-nhá em Campo Grande. Dessa vez, a “Boca da Márcia” foi fechada na quarta-feira (9). Além da traficante, Márcia da Silva Pereira, foram presos um ajudante, Luciano Murer e Elton de Souza, namorado dela, que segundo a […]

Arquivo Publicado em 10/04/2014, às 19h13

None
38361843.jpg

A Delegacia Especializada em Repressão ao Narcotráfico (Denar) fechou mais um ponto de venda de drogas na Vila Nhá-nhá em Campo Grande. Dessa vez, a “Boca da Márcia” foi fechada na quarta-feira (9). Além da traficante, Márcia da Silva Pereira, foram presos um ajudante, Luciano Murer e Elton de Souza, namorado dela, que segundo a Polícia Civil, seria um dos envolvidos na morte do menino Dudu, em 2007.


De acordo com o delegado Rodrigo Guiraldelli Yassaka, a polícia já investigava o ponto de venda de drogas há pelo menos seis meses. Além do casal, também foi preso no ponto de venda de drogas, um ajudante da traficante, identificado como Luciano Murer. Além dos três, os policiais também conseguiram prender também Marcelo da Silva Venci Guerra, o responsável por fornecer a droga a traficante da Vila Nha-nhá.


Segundo Yassaka, quarta-feira, os policiais ficaram monitorando o ponto de venda de drogas. Por volta das 12 horas, Marcelo foi até o local, entrou e saiu rapidamente da casa. Por volta das 17 horas, ele foi novamente a casa. Ele foi abordado e confessou aos policiais que havia levado 100 gramas de cocaína em casa visita à casa de Márcia. “Presume-se que ela vendeu tudo e pediu que ele entregasse mais uma quantidade de drogas para ela”, explica o delegado.


O fornecedor contou aos policiais que Márcia fazia o pedido das drogas, Elton recebia e Luciano também ajudava na boca de fumo. No local foi apreendido 100 gramas de cocaína. Na casa de Marcelo, no Jardim Tijuca, a Denar encontrou mais cerca 500 gramas da mesma droga. Também foram apreendidas balanças de precisão, dinheiro, celulares e uma televisão.


Ainda conforme o delegado, foi apreendido com o fornecedor uma agenda com informações sobre a venda de drogas e que comprova a negociação com Márcia.


Segundo a Polícia Civil, Elton seria um dos adolescentes envolvidos na morte do menino Dudu, em 2007, no Jardim das Hortências. Questionado, ele negou e afirmou que a polícia não tinha provas de que ele participou do crime.

Jornal Midiamax